quarta-feira, 29 de junho de 2011

Gestão da água e saneamento básico - ODM 7

França e Brasil iniciaram nesta terça-feira (28) um encontro para compartilhar experiências e apresentar políticas com foco no uso e tratamento da água e o desenvolvimento, principalmente quanto à questão da saúde. Representantes dos governos dos dois países e especialistas estão em Brasília até a próxima quinta-feira (30) no 1º Seminário Franco-Brasileiro sobre Saúde Ambiental, que resultará em uma publicação com recomendações de políticas bilaterais para cooperação entre o Brasil e a França na tentativa de solucionar problemas relacionados à gestão da água.

“A água é uma questão global e precisa de políticas globais”, afirmou o embaixador da França no Brasil, Yves Saint Geours. O evento é organizado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e pela Embaixada da França e tem por objetivo preparar discussões para o Fórum Mundial sobre a Água, em Marselha, na França, e a Conferência Rio+20 (a conferência das Nações Unidas para o desenvolvimento sustentável), que ocorrerão em para 2012.

O direito à água está entre os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, da Organização das Nações Unidas (ONU), que prevê a redução à metade da população que não tem acesso à água potável e aos serviços de saneamento básico até 2015. Na França, a cobertura já é aproximadamente de 100%, enquanto, no Brasil, a Pesquisa Nacional de Saneamento Básico, realizada em 2008, indica que apenas 55,2% dos municípios prestam o serviço de coleta de esgoto e só um terço faz o tratamento dos dejetos.

Leia mais em DCI

Nenhum comentário:

Postar um comentário